No meio da entropia

Uma imagem que sempre esteve fortemente ligada à minha imaginação desde quando tomei conhecimento do projeto era a ceia de Jesus e seus apóstolos. Pode parecer risível  num primeiro momento e de fato é, mas para mim é indissociável a semelhança das imagens que criei. Talvez esse pensamento seja mérito da carolice na minha infância e faça parte ainda do meu subconsciente, ou sei lá de onde eu tirei essa referência.

Fato é que, essa é a imagem que mais me aparece visível quando eu penso no projeto todo do Penhasco. Mas claro, revisitada, sem querer ser desnecessariamente polêmico ou absolutamente carola. Não!

Consigo visualizar uma mesa posta grande retangular no alto do penhasco a poucos metros de um precipício, me parece ser fim de tarde / começo de noite também. Tudo ainda é muito caótico porque há muitos nessa mesa.

Ela não é vista horizontalmente como na de Jesus, pelo contrário, consigo imaginar algo como um travelling out partindo de uma das pontas até a outra. Revelando os seres não exatamente pessoas ou quiçá até sejam pessoas, mas não de uma forma convencional. Imagino trajes nas pessoas e objetos por sobre essa mesa que não correspondam a nossa época. Imagino máscaras e outras alegorias, de repente uma confusão verbal, não necessariamente impedindo a comunicação. Não sei.

Essas pessoas estão nessa mesa, num penhasco, compartilhando o alimento, o momento, as presenças e fazendo o que eu ainda não consegui descobri.

Não sei avaliar direito esse plano, essa espécie de narrativa de um fato. Isso pra mim representa somente a imagem que consigo ver por agora, ainda na entropia. Tenho que descobrir o que elas me dizem ou se sou eu quem quer dizer algo através delas.

Tudo me parece bem fantástico mesmo. Sim, é a imagem que eu vejo, talvez não seja a imagem que eu queira. Talvez nem consiga tê-la, concebê-la, mas é a imagem que movimenta minha imaginação, a princípio. E acho importante manter esse movimento.

Anúncios

5 thoughts on “No meio da entropia

  1. Estava falando sobre o projeto com um amigo esses dias e ele me perguntou quantas pessoas estariam na mesa, sem pensar eu disse ” umas 12″. Aí pensei na santa ceia. Acho uma referência quase inevitável, muito embora eu saiba muito pouco do que se passou nesse jantar bíblico. Agora fiquei pensando, será que lemos o trecho em que a santa ceia acontece para que possamos negar ou incorporar esta referência ou mantemos nossas próprias noções tortas e diluídas nos nossos hábitos e morais ocidentais?

  2. Talvez ler o trecho seja uma boa, ter o mínimo de conhecimento.
    Mas não acho que seja necessário um estudo mais aprofundado, mesmo que seja para negar a referência. Acho que tomaria algum tempo que me parece ser de certa forma irrelevante.

    • Acho que sim… E se não lermos, não estaremos sendo influenciados, indiretamente, pela noção que temos da cultura brasileira acerca do assunto? Corremos o risco de manter nossas noções tortas e diluídas nesse caso. ‘O que é melhor?’

      • Isso que o Douglas falou parece-me um argumento para que leiamos o trecho porque, se há esta influência inconsciente inevitável na constituição da nossa mentalidade ocidental, latina, é melhor tê-la às mãos… ignorá-la nos tornaria incapazes de efetivamente negá-la, se acharmos que devemos.. Ou os trechos, já que cada um dos quatro evangelhos relata de um jeito. No momento de “partir o pão”, propriamente, há esta afirmação interessantíssima da parte de Jesus, de que o pão é o seu corpo e o vinho é o seu sangue! Os católicos acreditam que este milagre se repete, de fato, sempre que um crente toma a hóstia na comunhão. Para os católicos, não é um símbolo, é o milagre da transubstanciação, a “eucaristia”. Curiosíssimo! E há os eventos que ocorreram antes e depois desta ceia: Jesus lavando os pés dos discípulos, a revelação a respeito de quem seria o traidor com a entrega de um pedaço de pão! Enfim…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s